Ocorreu um erro neste gadget

Cursos


Respiração:
SÓ ACEITAREMOS INSCRIÇÕES COM ANTECEDÊNCIA !

Próximo: 5 e 6/3 de 2011
RESPIRAR É RENASCER!
A maioria das pessoas não respira bem! Utilizamos apenas 70% dos 750 milhões de alvéolos pulmonares.


Técnicas Corporais:
"...Assim como o escultor,

desbastando o bloco de pedra fria
faz surgir a obra prima que em seu interior jazia
da mesma forma o yôgin se transfigura
e deixa aflorar obra e artista
na execução coreográfica dessa dança milenar."
Mestre DeRose
Mudrás- Linguagem gestual:
"Um gesto de carinho,
um gesto de pacificação,
um gesto de tolerância.

Um gesto sentido,
um gesto profundo,
um gesto de benção.
Mãos que afagam,
mãos que realizam,

mãos que seguram as mãos
dos companheiros,
como a que dizer a cada um:
"conta com a minha amizade,
sou teu amigo"
Seja qual for, o gesto do Yôga
transmite a força e o amor
que brota do âmago da sua alma
e irrompe pelas próprias mãos...
Isso é mudrá!"
Mestre DeRose
Faça sua inscrição atencipadamente no Kioski 3 até as sextas anteriores aos cursos e garanta sua vaga.
Todos os cursos incluem cd.

Conforme as condições do tempo, os cursos sempre serão adiados para o sábado seguinte !

Os demais, consulte o quadro no Kioski 3 no Parque.

Horário das Práticas

Terças, Quartas, Quintas : das 8 às 9:10 h
Terças e quintas: das 8 às 9:10


Informe-se de como se inscrever , no quiosque 3, às terças, quartas e  quintas a partir das 9:30 h às 11:30 h


Local: Parque Ecológico do Córrego Grande

Traga uma canga ou toalha para colocar em cima da esteira ( nós iremos emprestar para aulas experimentais )
As práticas acontecem no tablado ao lado dos brinquedos.

Em caso de chuva, não haverá práticas no parque

Mapa do parque:

Contato

Instrutora Mônica Sant'Ana

Email: yoganoparque@gmail.com

Kioski 3 - Parque Córrego Grande


Apoio

Contribua você também para este projeto:

Floram Fundação Municipal do Meio Ambiente de Florianópolis
http://www.pmf.sc.gov.br/floram/


Tecnohelp Tecnologia Eletrônica Ltda

http://www.th.com.br/

Eco bio fashion - Moda 100% ecológica -
Lagoa da Conceição -3365-5505

Ilha Celeste - Estética e Reiki -
Trindade, 9117-3377

Main Street - Escola de Inglês
Córrego Grande, 3233-4001

Marcos de Paula - Cabeleireiro
Córrego Grande, 3025-4326

Ilha Car center- auto-mecânica
Córrego Grande , 3234-3282

Dr. Marcos Almeida - Academia Natatorium
Córrego Grande, 3234-7474

Postmix Soluções Gráficas
Córrego Grande, 3234-3999


Pão da Casa - Casa de Pães e Cafeteria
Córrego Grande, 3025-7502
Coqueiros, 3025-7500

Sabore Sorveteria
Shopping Trindade
José Maria


Instrutora

Instrutora Mônica Sant’Ana
  • Natural de Belo Horizonte, MG;
  • Graduação em Química - Licenciatura plena pela UFMG:
    com estágios na antiga NUCLEBRÁS , setor meio-ambiente, Centro Tecnológico de MG (CETEC), setor biotecnologia e Colégio Técnico da UFMG;
  • Sócio-fundadora da Associação dos Profissionais de Yôga da Aclimação-SP;
  • Fundadora da Associação dos Profissionais de Yôga de Londrina-PR;
  • Introdutora do Método DeRose na cidade de Londrina- PR no ano de 1998;
  • Formada pela primeira Universidade de Yôga do Brasil desde 85; 
  • Cursos pela PUC MG, PUC Salvador, PUC Curitiba, Estácio de Sá – Florianópolis e Universidade Internacional de Yôga – Buenos Aires – Argentina;
  • Curso de Comunicação Eficaz e Fale em público –Instituto Dale Carnegie-Florianópolis –SC;
  • Ministra cursos de Técnicas orgânicas do Yôga, Alimentação Biológica, Técnicas Respiratórias, Concentração nos estudos e no trabalho, Relax ;
  • Ministra práticas ao ar livre desde 85 =Jardim Botânico da UFMG, parque ecológico da Cidade-Nova, BH; Parque da Aclimação-SP; Lago Igapó – Londrina-PR;
  • Ministra práticas livres no parque ecológico Córrego Grande desde julho de 2006;
  • Atua como Yôga e EcoCultura  personal training na Grande Florianópolis
  • Atua com Yôga laboral ( em empresas, escolas ou condomínios );
  • Atua com Yôga trails, nas cidades de Florianópolis-SC e Santana do Riacho- MG, circuito Serra do Cipó - Parque nacional da Serra do Cipó-MG.
  • Diretora da Associação EcoCultural Córrego Grande
Instrutora Mônica

Projeto

Yôga e Educação Ecológica
Parque Ecológico do Córrego Grande
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil
Descrição:
Vivências práticas de Yôga em ambiente propício à educação ecológica como:
v Consciência corporal através de técnicas orgânicas do Yôga milenar;
v Domínio do relax progressivo;
v Reprogramação emocional junto à natureza;v Potencialização e reeducação respiratória;
v Concentração nos estudos e trabalho;
v Administração do stress e aplicação do Yôga no seu cotidiano;
v Técnicas de limpeza e purificação internas;
v Limpeza energética através de sons e ultra-sons;
v Meditação nos elementos da natureza;
v Círculos energéticos para mentalizações positivas;
v Técnicas em dupla.

Objetivo geral:
Promover a consciência da educação ecológica através de técnicas do Yôga aos freqüentadores do PECG, universitários, escolas, visitantes, turistas e público em geral.

Objetivos específicos:
v Maior interação com o meio-ambiente: animais terrestres, aquáticos, aves, pássaros de todas as espécies , fauna e flora em geral;
v Promover limpezas internas no ser humano que refletem na limpeza externa do meio-ambiente;v Desfrutar do ar puro, imprescindível para a qualidade de vida de todas as espécies vivas;
v Ensinar técnicas milenares de RESPIRAÇÃO, a fim de obter longevidade como faziam os sábios antigos da humanidade;
v Ensinar técnicas milenares de CONCENTRAÇÃO, a fim de auxiliar estudantes, universitários, professores e a quem quer que necessite de concentração em suas atividades diárias;
v Ensinar técnicas milenares de APROVEITAMENTO DE ENERGIA ORGÂNICA que utiliza o corpo físico do praticante, buscando saúde integral;
v Ensinar técnicas milenares de REPROGRAMAÇÃO EMOCIONAL , obtendo o relax progressivo que promove o bem-estar e satisfação do indivíduo, conseqüentemente ampliando para o meio em que vive
v Ensinar técnicas de ALIMENTAÇÃO BIOLÓGICA, promovendo a reeducação alimentar adequada para cada indivíduo de acordo com a cadeia alimentar de sua própia espécie.


Definição do Yôga:

Yôga é um termo sânscrito que significa união, integração consigo mesmo, com os outros seres e com o Universo. A definição mais abrangente é :
Yôga é qualquer metodologia estritamente prática que conduza ao samádhi” (definição do Mestre DeRose).

Samádhi é um estado de hiperlucidez, megaconsciência advindos do autoconhecimento.

“Nós entendemos como Yôga toda uma cultura muito mais abarcante que inclui tudo o que façamos no trabalho, no esporte, nos estudos, na arte, nas relações afetivas, no relacionamento social, na alimentação e nos hábitos da vida...Decidimos denominar essa filosofia “A NOSSA CULTURA” ”. (livro: Yôga a sério – autor: Mestre DeRose)

Como o Yôga atua:
O Yôga milenar amplia a consciência do indivíduo em todos os aspectos desenvolvendo suas várias inteligências, inclusive a sua inteligência ecológico-naturalista. Por meio de uma determinada combinação de técnicas, o praticante desenvolve-se de maneira gradativa, ampliando sua vitalidade orgânica, passando pelo aprimoramento emocional e mental, até o aperfeiçoamento em outros planos superiores: intuicional e monádico.

O Yôga mais antigo da qual se tem notícias através de pesquisas arqueológicas feitas na Índia Antiga é o de tendência Sámkhya, que quer dizer: filosofia especulativa naturalista e era

praticada pelos drávidas- aborígenes da Índia. Eles viviam numa sociedade agrícola, não-guerreira. Integravam-se ao meio ambiente e, por isso, respeitavam, admiravam e direcionavam a gratidão às coisas vivas, concretas, objetivas a tudo o que os seus sentidos apreciavam. Os drávidas eram um povo simples e descomplicado que praticava púja (oferenda) aos rios, às árvores, aos animais, à lua, às estrelas, etc. A prática intitulada súrya namaskára – saudação ao sol – é a reminiscência do tempo mais antiga em que os nossos ancestrais cultuavam as forças da natureza.




Razões pelas quais este órgão deve apoiar o projeto

O projeto já está em pleno andamento desde a data de 5/7/2006, 7 anos de experiência comprovada. São mais de 1000 práticas ao ar livre com um número de 20 a 50 pessoas por sessão dependendo das condições climáticas. As práticas já chamaram a atenção da imprensa, como jornal Notícias do Dia, TV BV, RBS (Jornal do Almoço e Programa Patrola) e TV Record (Programa Tudo a Ver) ,TV COM ( Programa Plenitude -Suzana Rigo), Diário Catarinense, Revista Estar Bem da rede de farmácias Angeloni e outros que já estão programando matérias a respeito. E o público continua crescente e cada vez mais interessado. A prova maior é que em dias de chuva, até mesmo temporal e frio intenso há presença de público.

Futuramente, o projeto pode capacitar novos instrutores de Yôga como estagiários, que poderão transmitir a Educação ambiental, através das técnicas do Yôga milenar favorecendo a presença física de pessoas nas áreas verdes da cidade, pessoas mais conscientes ligadas a questões ambientais e preservação do mesmo.

Indivíduos interessados em absorver uma CULTURA (Segundo o Dicionário Houaiss: cultura significa entre outras coisas: conjunto de padrões de comportamento, crenças, conhecimentos, costumes etc. que se distinguem um grupo social) E assim como o Mestre DeRose sugere que coloquemos o termo “NOSSA CULTURA” no lugar da palavra YÔGA, transcrevemos suas palavras tiradas do seu livro de bolso – Yôga a sério (em anexo ao projeto): “Os que me lêem e assistem às minhas aulas reeduco-os para que se tornem pessoas melhores, mais polidas, mais viajadas, mais refinadas, mais civilizadas, mais cultas, que aprimorem até a linguagem e suas boas maneiras. Sugiro uma revolução comportamental, propondo uma forma mais sensível e amorosa de relacionamento com a família, com o parceiro afetivo, com os amigos, com os subordinados e com os desconhecidos. Recomendo que eventuais conflitos sejam solucionados elegantemente, sem confrontos. De quebra, ensino como respirar melhor, como relaxar, como concentrar-se e cultivar a qualidade de vida, proporcionando condições culturais e sociais para os jovens se mantenham longe das drogas, do fumo e do álcool. Tudo isso junto, em última análise, conduz ao autoconhecimento” pgs 26 e 27.


São estes indivíduos que defenderão praças, parques e locais públicos que são de preservação ambiental, diminuindo o trabalho dos atuais fiscais do meio-ambiente. Com isto ajudando e facilitando a prefeitura e órgãos ligados a ela, preservando os patrimônios municipais, do estado , país e mundo, como direito de todo cidadão.

São estes também que participarão das oficinas de educação ambiental que já estão sendo veiculadas no parque florestal como da Família Casca , Papel Artesanal, Reutilização de óleo de cozinha para confecção de sabão e outros.

Sabendo que esta entidade muito se dedica a apoiar projetos comunitários, ambientais e culturais, damos a prioridade para que esta abrace conosco mais um.




Horários disponíveis: De terças às quintas – 8 às 9:15h – práticas
Das 9:30 às 12 h – atendimento ao público


Número máximo de praticantes: 30 a 50 por sessão de acordo com o espaço disponível.


Pré-requisitos:
= local ao ar livre – área do Pic-nic no Parque Ecológico ou tablado do anfiteatro;
= kioskão ao lado da casa do operacional (fundo do parque) construído nos moldes eco-naturalista para abrigar práticas nos dias de chuva (orçamento em andamento);
= esteiras ;
= ficha de cadastramento com exame médico;
= aparelho de som com cd player;
= cd’s específicos para práticas específicas;

= telão para filmes ligados ao Yôga e meio-ambiente;
= apostilas, livros e revistas ligadas ao Yôga e meio-ambiente.